O vídeo com interpretação em libras da história está disponível no Youtube,
canal Turma do Fritz.

Pin tem um evento nacional pra ir e está com medo de não entender como as toninhas, botos e golfinhos de outras regiões do país falam! Será que ela vai conseguir?

Acesse abaixo a história em texto completo e nos ajude a levar diversão com aprendizado para mais crianças!


Disponibilizamos as máscaras dos personagens para você baixar (no final da página) caso queira utilizar durante a contação da história, assim as crianças poderão conhecer nossos personagens. 😉

A TONINHA PIN

Hoje a turma do Fritz está animadíssima, pois Pin, a princesa Toninha lhes fará uma visita. Ela vem passear pouco aqui no Rio Cachoeira, pois o pai dela só autoriza quando ela vem se apresentar na Grande Escola de Balé. Pin é uma grande bailarina e vive na baía Babitonga, juntamente com sua família.

Fritz, Charlot, Anita e Lipe esperam ansiosamente pela chegada da amiga perto do manguezal.

Anita, uma macaquinha muito brincalhona, está curiosa para saber mais sobre a amiga da turma. Ela não tem muito contato com Pin e ficou curiosa para saber como vive essa toninha. Ela pede para o Lipe ajudá-la, pois ela fala em libras e Lipe sabe bem.

Fritz, o jacaré nadador do Rio Cachoeira, se empolgou em explicar tudo pra Anita, pois ele conhece bem a Pin e as toninhas, mas precisa de ajuda, pois até aprendeu alguns sinais de Libras com o Lipe, mas ainda não consegue todas as palavras.

Lipe então o tranquilizou:

_ Não se preocupe Fritz, eu te ajudo com a tradução!

Fritz então começa a falar sem parar sobre a encantadora Pin:

_ Ah, eu posso não entender muito de matemática, mas de toninhas eu sei tudo!

Realmente, Fritz sempre conta com a ajuda de Charlot para resolver as questões Matemáticas! Como é bom ter amigos para nos ajudar, não é?

E Fritz continua…

_ Uma toninha é um tipo de golfinho pequeno. A espécie da Pin prefere viver em águas rasas, por isso a família dela vive aqui na Baía Babitonga. Ah, ela adora comer peixes, lulas e camarões… 

Neste momento Lipe interrompe Fritz, pois Pin está chegando…

Pin dá um salto de alegria e cumprimenta seus amigos:

_ Olá turma, tudo bem? 

_ Agora que você chegou tudo ótimo! _ Falou Fritz!

Charlot, a nossa querida e sabida capivara, deu um pulo na frente do Fritz e falou:

_ Fritz estava contando sobre você Pin, que gosta de viver na Baía, é verdade?

_ Sim Charlot, nós toninhas gostamos muito da tranquilidade desta baía e por isso minha família mora nela, mas tem outras toninhas que moram em outras regiões do país e até em outros países. Por isso eu vim pedir a ajuda de vocês!

_ Claro Pin!_ Disse Charlot _ No que podemos ajudá-la?

Pin respira fundo:

_ Me convidaram para participar de um grande evento de preservação de espécies aquáticas e lá estarão toninhas, golfinhos e botos de várias regiões do Brasil e meu amigo Tony, que já se aventurou por outras partes do país, disse que eles falam muito engraçado e às vezes fica difícil de entender. Não sei se vou conseguir me comunicar direito!

_ Como assim? _ Disse Fritz _ Eles falam outra língua?

_ Não!!! _ respondeu Pin. _ Eles falam a nossa língua, mas de um jeito diferente! Toni disse que eles falam com “sotaque”! O Boto-cor–de-rosa, que habita lá no Amazonas, vive dizendo que está BROCADO, vocês sabem o que isso quer dizer?

A turma se olhou, pensou, pensou, mas não sabiam o que responder.

Lipe então lembrou de uma aula que ele teve na escola falando sobre diversidade Cultural, então comentou:

_ Turma, a minha professora já falou sobre isso lá na escola. Entrou uma menina na minha turma que era de Floripa e quando queria que alguém da sala decidisse algo rapidamente falava assim: “Se quex, quex, se não quex, dix”. No início nós achávamos engraçado e todo mundo ria, mas a professora nos explicou que precisamos respeitar as diferenças culturais e que cada região tem um jeito de falar e de se vestir, até a comida pode ser diferente e nós podemos aprender muito com isso! Então nós aprendemos muito com a nossa nova amiga, que também aprendeu nosso jeito de falar. Ensinamos que ZICA é bicicleta na nossa cidade e CHINEQUE é uma delícia! Então quando você for lá no evento Pin, seja simpática, não ria do Boto-cor-de-Rosa, mas tente descobrir o que significa essa palavra e depois conta pra gente!

Pin sorriu:

_ Acho que vou fazer isso mesmo! É mais divertido aprender novas palavras do que ficar rindo do jeito dos botos falarem né!

Todos da turma dão o maior apoio para a Toninha Pin.

Pin dá um mergulho e volta animada!

_ Lembrei mais uma palavra engraçada, quer dizer… diferente que o Tony comentou! Dizem que as Toninhas que vivem lá no Espírito Santo falaram que esse evento para a preservação iria POCAR! O que será isso?

Todos ficam com um ar de interrogação!

Pin se despede dos amigos fazendo um passo de balé e sai confiante que tudo dará certo no seu evento de preservação!

Uma semana depois…

A turma do Fritz está curiosa para saber como Pin se saiu no Evento de Preservação de Espécies Aquáticas.

Charlot treina alguns passos de balé para a aula mais tarde, enquanto Lipe ensina mais uns sinais em libras para Fritz conversar com a Anita…

De repente… em um salto fenomenal, aparece a princesa Toninha, cheia de graça e alegria para contar as novidades para a turma!

_ Oi pessoal! Como vocês estão? Muita chuva por aqui? Lá no Evento de Preservação de Espécies Aquáticas foi MARAVILHOSOOOO! Eu fiz novos amigos e encontrei o Boto-cor-de-rosa e as toninhas do Espírito Santo! Lembrei de tudo que conversamos naquele dia aqui no manguezal e sabem o que eu descobri?

_O quê, o quê? _ Perguntou Fritz, ansioso para saber a resposta.

_Sempre que chegava pertinho da hora de comer, o Boto-Cor-de-Rosa falava: “Estou BROCADO! Estou BROCADO!” Eu criei coragem e perguntei o que significava. E sabe o que ele me respondeu? Estou “BROCADO” significa que eu estou com FOME!

E rindo continuou:

_ Vocês imaginavam que era isso?

_ Claro que não!!! _ Falaram todos da turma ao mesmo tempo!

          Lipe aproveitou para contar a Anita o que significava BROCADO em Libras e ela também ficou animada!

Pin completou:

_Quando encontrei com as toninhas do Espírito Santo, elas estavam felizes dizendo que o Evento POCOU! Eu olhei pra elas e perguntei: O que é POCOU? POCAR? Elas acharam engraçado eu não saber e me explicaram…. POCAR É FAZER SUCESSO! Então o Evento POCOU! FEZ SUCESSO!

_  Nossa, sério? _ Falou Fritz!_ Não dava pra imaginar!

Pin ficou muito feliz em aprender essas novas palavras!

Charlot, muito interessada, perguntou:

_ E o Evento Pin? Como foi?

_ Foi muito importante encontrar outros animais de espécies aquáticas e conversar sobre formas de preservar o nosso ambiente e a nossa espécie. Eu aprendi que as toninhas precisam de ajuda de todos para continuarem vivendo felizes na Baía, mas essa já é uma outra história!

FIM!

     Equipe Turma do Fritz:
Roteiro de Vanessa Cristina Ristau Santos
Revisão de Joseane Tomaz
Aprovação de Daniela de Sousa

Roteiro de Direitos da Turma do Fritz!
TURMA DO FRITZ PRODUÇÕES LTDA

31.987.602/0001-08

Se você gostou da nossa história, INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL, para ser avisado quando disponibilizarmos novos conteúdos. E se puder, clica no GOSTEI pra nos ajudar!
Se lembrou de alguma criança que pode gostar dessa história, COMPARTILHE!
……………………………………………………………………………………………………………


SIGA-NOS NO INSTAGRAM E FACEBOOK
. Lá a gente sempre avisa sobre conteúdo novo no blog e promoções!


IG: ig.com/turmadofritz/
FB: fb.com/turmadofritzbr

Máscaras dos personagens desta história para você baixar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *